Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 18, 2010

MST, Democracia e Políticas Sociais. Cientista vê omissão do Estado em favor do MST

Opinião/Especial para o Blog de Jamildo POSTADO ÀS 16:12 EM 20 DE Abril DE 2010 Por José Maria Nóbrega Júnior – Doutor em Ciência Política pela UFPE e professor da Faculdade Maurício de Nassau Se não bastasse o caos que se tornou dirigir no trânsito do Recife, esta semana sofremos com o “Abril Vermelho”, manifestação do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), grupo este que vem provocando uma série de estragos e privações de direitos em todo o país. Tudo isso, é claro, com a conivência do Governo Federal e respaldado pelo Partido dos Trabalhadores. Em países democráticos os movimentos sociais são legítimos, mas eles tem de respeitar as regras democráticas como o Estado de Direito, por exemplo. A Democracia requer direitos individuais e coletivos. Os direitos individuais estão ligados à propriedade privada que, além dos bens materiais, é o direito de ir e vir e o direito à vida. O povo do Recife teve seus direitos de ir e vir limitados e a ordem urbana esfacelada sem que ning

As instituições informais e a falta de Estado

Jovem é morto por desrespeitar toque de recolher de criminosos em Volta Redonda (RJ) DIANA BRITO da Sucursal do Rio (FOLHA SP) O jovem Ademilson da Silva, 19, foi morto a tiros na noite de domingo (18) na rua Joaquim Pacheco, no bairro São Luiz, em Volta Redonda, na região sul fluminense. Segundo policiais do Batalhão do município, minutos antes do crime, moradores disseram que quatro homens armados em duas motos ordenaram que ninguém saísse de casa. De acordo com a polícia, Ademilson não sabia da ordem dos criminosos e caminhava pelo bairro quando foi baleado e morreu. Traficantes de drogas da região estariam em guerra pelo controle de pontos de venda de drogas. Segundo a Polícia Militar, o toque de recolher foi imposto como represália à morte de um adolescente de 17, apontado como traficante de drogas. O jovem foi assassinado na última quarta-feira (14) por quatro suspeitos no bairro Candelária, também em Volta Redonda. Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidia

Segurança muda de comando

» FIM DA CRISE Segurança muda de comando Publicado em 19.04.2010 Jornal do Commercio Depois de negar saída de gestores na última sexta-feira, governo anunciou ontem o nome do novo secretário de Defesa Social e do comandante da PM Ao contrário do que divulgou a Secretaria de Imprensa na última sexta-feira, Pernambuco tem a partir de hoje, um novo comando na Secretaria de Defesa Social. A crise entre o secretário Servilho Paiva e o comandante da PM, coronel José Lopes, terminou com a saída dos dois, confirmada por nota oficial, na noite de ontem. O delegado federal Wilson Damázio assume a SDS. Para o lugar do coronel Lopes vai o coronel Tavares Lira. Na sexta-feira, a Secretaria de Imprensa garantiu que, apesar da situação insustentável entre Servilho e Lopes, ambos permaneceriam no cargo. A informação não passou de uma estratégia do governo para ganhar tempo e confirmar os substitutos. Servilho, o secretário-executivo Cláudio Lima e o governador Eduardo Campos conversaram por mais de

Datafolha aponta Serra com 38%. Dilma tem 28%

Publicado em 17.04.2010, às 10h42 Do JC Online Com informações do UOL O candidato à presidência José Serra (PSDB) tem 38% das intenções de voto contra 28% de Dilma Rousseff (PT). A conclusão é da nova pesquisa Datafolha que foi publicada neste sábado (17) pelo jornal Folha de S.Paulo. A pesquisa revela que a corrida presidencial não registrou mudanças na comparação com os números de três semanas atrás. De acordo com o Datafolha, Marina Silva (PV) registra 10% das intenções de voto, à frente de Ciro Gomes (PSB), que pontuou 9%. Há 7% que votarão em branco, nulo ou em nenhum. Outros 8% dizem ainda estar indecisos. O Datafolha entrevistou 2.600 pessoas em todo o País nos dias 15 e 16 deste mês de abril. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. No mês de março, Serra tinha 36% contra 27% de Dilma. Numa simulação de segundo turno, Serra tem 50% e Dilma fica com 40%. No final de março, os percentuais eram 48% e 39%. O Datafolha testou ainda um eventual seg