Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 29, 2013

O que aconteceu nas principais cidades colombianas para que as mesmas reduzissem suas taxas de criminalidade?*

(* Este paper foi retirado de minha tese de Doutorado “Os Homicídios no Brasil, no Nordeste e em Pernambuco: dinâmica, relações de causalidade e políticas públicas”. 271 p. Pós-Graduação em Ciência Política da UFPE. Recife. Março de 2010. Pp. 158-181.) José Maria Nóbrega – Doutor em Ciência Política pela UFPE e Professor Adjunto II da UFCG Introdução [1] A Colômbia vem se apresentando como um exemplo importante de ser analisado entre os países da América Latina. Levando-se em consideração apenas duas cidades, Bogotá e Medelín, ali foram aplicadas uma série de políticas públicas – preventivas e repressivas – apontadas como o fator decisivo para a redução de suas altas taxas de homicídio desde, pelo menos, finais da década de noventa. Contudo, a Colômbia permanece como um dos países mais violentos do mundo, fator explicado pela ausência de políticas de Estado a nível de todas as cidades colombianas (Cf. Tabela 1). Tabela 1: Taxas de homicídio na América Latina – 2002