Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho 5, 2011

Evolução dos Homicídios no Brasil – 2000 a 2009: uma breve descrição

Por José Maria Nóbrega* Os homicídios são utilizados como principal proxy para analisar a violência no mundo. O Brasil vem apresentando crescimento de suas taxas por 100 mil habitantes, não obstante o decréscimo apresentado entre os anos de 2003 e 2004. Hoje (2009, último ano disponível no SIM) a taxa é de 26,05/100.000 hab., praticamente a mesma do ano 2000. Analisando os dados, vemos que os recuos dos homicídios concentram-se em dois estados da federação, Rio de Janeiro e São Paulo, em termos mais incisivos. Mas, como a maior parte das mortes por agressão vem acontecendo fora desses estados, a taxa de homicídios praticamente não sofreu variação percentual na relação 2000/2009. Entre 2000 e 2009 os números absolutos de homicídios no Sudeste retrocederam em -65,63%, recorde entre as regiões do país. Os responsáveis por essa involução nos números foram Rio de Janeiro e São Paulo. Enquanto o Rio teve uma retração de -80,76% em termos de variação percentual 2000/2009, São Paulo foi mais

Projeto de Direitos Humanos do CDSA é aprovado em programa do Ministério da Educação

O Centro de Desenvolvimento Sustentável do Semiárido da UFCG (Campus Sumé) aprovou o projeto “Disseminando a Prática dos Direitos Humanos no Cariri Paraibano”, no Programa de Extensão Universitária 2011 da Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação, ficando na sexta colocação dentre os 110 submetidos na área de "Direitos Humanos". Trata-se do Programa Direitos Humanos no Cariri Paraibano que prevê recursos do Ministério na ordem de 150 mil reais para desenvolver diversas ações na região. A primeira delas será o fortalecimento de um “Centro de Referência dos Direitos Humanos do Cariri” (CRDH) na cidade de Sumé, já em processo de instalação com a realização de atividades de mobilização no município e nesta região onde está inserido. De acordo com o coordenador do Programa, professor José Irivaldo Alves Oliveira Silva, a atuação do CRDH em Sumé possui um significado importante para a população local, na medida em que provoca uma atenção maior à temática dos dire