Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro 28, 2012

Homicídio cresce 86% em outubro em São Paulo e bate recorde

Em São Paulo Comunicar erro Imprimir As mortes envolvendo policiais militares e as execuções suspeitas de civis continuam contribuindo para a explosão dos homicídios em São Paulo. Até a tarde de quarta-feira (31), a capital já havia registrado 145 homicídios em outubro, crescimento de 86% em relação ao mesmo mês do ano passado, que teve 78 ocorrências. Ver em tamanho maior Onda de crimes no Estado de São Paulo Foto 10 de 22 -  15.out.2012 - Um agente penitenciário foi baleado durante um roubo a uma pizzaria na zona norte de São Paulo, durante a madrugada  Mais   Edison Timóteo/ Estadão Conteúdo Os dados são do Sistema de Informações Criminais (Infocrim) e não levam em consideração os registros da noite de quarta-feira. LEIA MAIS Oito mortos, entre eles 2 PMs, em noite violenta  Alckmin diz que líderes do PCC poderão ir para regime especial Chega a 17 número de presos em operação na Paraisópolis Políc

União deve coordenar investigações, diz estudioso

AFONSO BENITES DE SÃO PAUL O (folha on line) O sociólogo Julio Jacobo Waiselfiz, autor do Mapa da Violência (estudo anual sobre homicídios), diz que em vez de oferecer ajuda para São Paulo, a União deveria ajudar Estados com índices de violência mais altos e coordenar investigações de crimes que abrangem mais de uma unidade da federação. Folha - O que o sr. acha da proposta do ministro José Eduardo Cardozo para São Paulo? Julio Jacobo Waiselfiz -   A discussão estava muito politizada [em período eleitoral]. Historicamente, o que vem ocorrendo em São Paulo? Em 1999, foi implantado o primeiro plano de segurança nacional. O governo se baseou no "Mapa da Violência" para saber quais eram os Estados mais graves e canalizar recursos. Entre eles, estava São Paulo. Os governos investiram em sistemas tecnológicos e capacitação das polícias. ONGs pressionaram por melhorias. Isso ajudou a reduzir as taxas de homicídio. E por que ninguém fala dessa parceria