Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto 30, 2009

Livro com voto de aplausos na ALEPE

Requerimento N° 3759/2009 Requeremos à Mesa, ouvido o Plenário e cumpridas as formalidades regimentais, que seja encaminhado um Voto de Aplauso ao cientista político José Maria Nóbrega, pelo lançamento do livro "Semidemocracia brasileira: as instituições coercitivas e práticas sociais". Da decisão desta Casa Legislativa, dê-se conhecimento ao cientista político, José Maria Nóbrega, com endereço na Av. Ministro Marcos Freire, nº 3717, Apto. 505, Casa Caiada, Olinda/PE, CEP: 53.040-010; ao reitor da Universidade Federal de Pernambuco(UFPE), Prof. Amaro Henrique Pessoa Lins, com endereço na Av. Prof. Moraes Rego, 1235, Cidade Universitária, Recife/PE - CEP: 50670-901 ; ao diretor geral da Faculdade Joaquim Nabuco, Prof. Inácio Feitosa Neto, com endereço na Av. Senador Salgado Filho, s/n, Centro, Paulista/PE, CEP: 53.401-440; ao presidente do Instituto Teontônio Vilela de Pernambuco, Prof. André Régis; com endereço na Rua Viscondessa do Livramento, 226, Derby, Recife/PE, CEP: 52

O fórum da segurança pública

Oesp 1 set 2009 Há menos de um ano e meio do final do mandato do atual governo, o Ministério da Justiça reuniu em Brasília 3 mil pessoas que discutiram durante quatro dias, distribuídas em cerca de 40 grupos de trabalho, num centro de convenções, o futuro da segurança pública. E o próprio presidente Lula, que já está no poder há seis anos e oito meses, aproveitou a solenidade de abertura do evento para fazer um discurso como se estivesse inaugurando seu primeiro mandato e tivesse uma proposta concreta para essa que é uma das mais problemáticas áreas da máquina estatal. "É preciso acabar com o jogo de empurra na busca dos culpados pela violência, como se a segurança pública fosse um cachorro que morre de fome porque todo mundo pensa que o outro deu comida e ele não recebe comida de ninguém", disse o presidente, depois de anunciar que a segurança é "de responsabilidade de todos, coletivamente", e que ela "não mais será tratada como coisa de segunda categoria, co

Nenhuma instituição pernambucana recebe conceito máximo do MEC

A qualidade do ensino e da produção científica importa! Pernambuco tem que caminhar na direção da excelência se quiser formar bons quadros. Do JC Online Com informações do MEC e UOL O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) divulgou nesta segunda-feira (31) os índices gerais de cursos das instituições (IGC) para todas as universidades, centros universitários e faculdades do País. Apenas 1% das instituições conseguiram nota máxima em avaliação do MEC (Ministério da Educação). De acordo com o IGC (Índice Geral de Cursos) de 2008, 21 das 2.001 instituições ganharam conceito 5, que é o melhor. O resultado final é expresso em valores contínuos, que vão até 500, e em faixas até cinco. A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) foram as únicas instituições públicas do Estado a ficar com conceito 4. Se forem considerados os valores contínuos, a UFPE aparece na 19ª posição no ranking nacional